A qualidade do ar em casa

A qualidade do ar em casa

Dores de cabeça, catarros, alergias e outras doenças comuns estão muitas vezes relacionadas com o ar que se respira em casa, pois este nem sempre se encontra em ótimas condições para a saúde.

Ainda que pareça estranho, incluindo nas grandes cidades, o nível de poluição interior costuma superar o exterior porque a poluição que entra pela janela é acrescida à que se produz dentro da própria casa.

Os problemas mais comuns que costuma haver neste contexto numa casa podem dividir-se em dois grandes grupos:

 

1. As partículas

Pó, fumo, pólen… Bem como as partículas de origem biológica como ácaros, bactérias e bolores. E também as geradas por equipamentos de combustão.

A humidade costuma ser um detonante para a proliferação destas partículas. Nos ambientes húmidos onde a ventilação não é adequada são muito frequentes os problemas com bolores e ácaros causadores de alergias e problemas respiratórios.

 

2. Dióxido de carbono e poluentes comuns

O nome técnico que se utiliza para os gases é COV (Componentes Orgânicos Voláteis) e são derivados de diferentes produtos, muitos deles comuns numa casa, como alguns tipos de pintura, vernizes ou ceras, repelentes de traças, aromatizantes do ar… e, em especial, produtos de limpeza. Estes últimos devem ser manipulados sempre com uma ventilação adequada da casa pois a inalação dos gases libertados podem ser muito tóxicos.

As soluções:

Antigamente as casas eram ventiladas de forma natural através de fendas nas construções. Contudo, atualmente, a melhoria da construção e a tendência atual face à poupança energética, faz com que as casas tenham uma maior hermeticidade e, por isso, o perigo da má qualidade do ar ganha força.

Para solucionar estes problemas e melhorar a qualidade do ar da casa há várias fórmulas:

Ventilação cruzada

A ventilação por corrente cruzada requer apenas cinco minutos para recuperar a qualidade do ar. Neste tempo paredes e tetos não modificam a sua temperatura pelo que a perda energética é relativamente pequena.

Ventilação controlada

A ventilação por filtros ou dispositivos instalados nas janelas é geralmente muito lenta. Requer mais de uma hora para conseguir una adequada renovação do ar. Neste tempo a perda de energia é importante.

Purificadores do ar

Estes sistemas são constituídos, nos seus modelos mais simples, por um ventilador que faz passar o ar através de um filtro e depois expulsa-o. Além disso, há uma grande variedade de modelos que incorporam técnicas sofisticadas de filtragem como a ionização ou o método de raios ultravioleta A. Estes purificadores são recomendáveis para pessoas com problemas respiratórios e de asma já que podem eliminar com eficácia ácaros, bolores e outras partículas. Também são muito aconselhados para casas onde convivam fumadores com crianças.

 

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Uso de Cookies

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para melhorar os nossos serviços e a sua experiência na nossa web, mediante a análise dos seus hábitos de navegação. Se fechar este banner, clicar em algum link ou continuar navegando, dá-nos o seu consentimento para usar as cookies. Pode mudar a configuração ou obter mais informação na nossa Política de Cookies. Aceitar